18 agosto 2017

Meia Maratona do Rio de Janeiro, por Elane Figueiredo

Olááá!!! Tudo bem? Há dois meses aconteceu a Maratona do Rio. Junto com essa prova ocorre a Meia Maratona e a Family Run. Hoje, quem assume o blog é a Elane Figueiredo. Ela é corredora de Manaus e correu a Meia Maratona do Rio. Na verdade, foi a primeira meia maratona dela. Olha que maneiro... Então, seja bem-vinda Elane...


Minha primeira Meia Maratona

“Oláááá! (Tô me sentindo a blogueira deste site, hahaha).

Esse ano corri pela primeira vez uma meia maratona. Não poderia ter escolhido um lugar melhor, o Rio de Janeiro. 
Meia Maratona do Rio de Janeiro
Elane turistando na Cidade Maravilhosa
A Maratona do Rio é conhecida como a maratona mais linda do Brasil, oferecendo aos corredores um visual ímpar ao longo do percurso, pois passa pelas principais praias cariocas. 

O evento tornou-se a principal corrida do país, pois conseguiu reunir todo tipo de corredor com as três provas distintas: 42 km, 21km e 6km.

Largada cedo, hidratação com água e isotônico, percurso com imagens indescritíveis... Esses itens são obrigatórios para quem desejar realizar uma boa prova. E, nesse aspecto, a Maratona do Rio de Janeiro não deixou a desejar. 

A preparação para a Meia Maratona do Rio...

Não tive muito tempo para me dedicar aos treinos. 

Foram muitos entraves, ao longo dos meses que antecederam essa corrida, que fizeram com que eu não fosse tão disciplinada para quem estava prestes a ser uma meia maratonista (minha treinadora que o diga!). 

Tiveram semanas em que não consegui realizar um terço do que a planilha pedia. Mas fui! Com a cara e a coragem que Deus me deu. 

Mesmo que, por algum tempo, eu achasse que não pudesse terminar essa prova (até porque, quando me inscrevi, só havia corrido 10 km).  Mas, a cada treino e a cada corrida realizada, tinha a certeza de que completaria a Meia Maratona do Rio. 

Chegou o dia tão aguardado... 

Por incrível que pareça, nos dias que antecederam a Meia Maratona do Rio, não senti os sintomas que me afetam quando estou nervosa. 

Mas, um dia antes, fui dormir às 23h e simplesmente acordei às 02h da madrugada (isso mesmo!). Tive uma crise de ansiedade, queria chegar logo na prova. 

Arrumei-me e fui deitar novamente pra esperar o horário de ir. Por ter ficado em um hotel próximo ao Aterro do Flamengo, não precisaria sair tão cedo para o ponto de ônibus. 

No dia da prova...

Cheguei à Praia do Pepê (local de largada dos 21 kms). Que local lindo! O horário de largada foi às 06h45. 

Fui me tranquilizando e tentei me concentrar, enquanto todos ao meu redor estavam bastante agitados. 

Não tinha nenhum amigo ou conhecido meu nessa prova, mas não me senti só. Senti que deveria e merecia estar ali. 

Curti cada km que conquistava, curti as pessoas que torciam e que, principalmente, nos incentivavam.
Meia Maratona do Rio de Janeiro
E por vários momentos eu me emocionei, chorei e agradeci a Deus por estar experenciando tudo aquilo. Não tive tempo para pensamentos ruins, talvez esse seja o grande segredo da corrida. Você só pensa em coisas boas! 

O que vi no percurso...

Ao longo do percurso, vi cenas que me fizeram ter a certeza de que escolhi a prova certa pra correr a minha primeira Meia Maratona. 
Meia Maratona do Rio de Janeiro
Vi crianças e idosos gritando e mandando boas energias. Como não se lembrar dos garis que nos aplaudiram quando passamos pelo Vidigal? Que lindo! 

Como não ser grata a Deus onde se corre uma prova em que na maior parte do tempo você sente uma brisa de leve batendo seu rosto vindo da praia? E que vista linda das praias pelas quais passamos! Sim, o Rio de Janeiro é e continua lindo! 

Ahhh, a chegada...

O clima estava agradabilíssimo, e talvez, foi ele quem me ajudou a ter, na maioria do tempo, uma corrida tranquila. Digo isso porque nos 18 kms eu senti uma dor no joelho, que por alguns segundos me fez pensar em parar, porque achava que não conseguiria. 

Mas foram só uns segundos. Aguentei firme. Meu pensamento era: 


"Eu não vim de tão longe pra desistir!"

Tentei adotar o mesmo ritmo do início ao fim, mas os três últimos kms foram intermináveis. Parecia que não iria chegar nunca. Mas chegou! Cheguei! Fiz em 2h40. 
Meia Maratona do Rio de Janeiro
Não conseguia acreditar quando vi a linha de chegada. A sensação era de satisfação, dever cumprido! Fui lá e consegui! Fiz a minha primeira Meia Maratona. 

Um turbilhão de sentimentos que, quando você acha que acabou, ao colocar a medalha no peito, por um instante você já se imagina na edição do ano seguinte.
Meia Maratona do Rio de Janeiro

Depois da prova...

Fui esperar uns amigos que estavam completando pela primeira vez uma maratona. 

Que lindo ver o clima de superação, felicidade, emoção que os atletas maratonistas mostravam ao cruzar o pórtico de chegada. 

Vi muita gente chorando, se arrastando para completar a missão que começou no Recreio dos Bandeirantes.

E que venha 2018!

Quer uma dica? Corra a Meia Maratona do Rio. Você não irá se arrepender e ainda vai querer estar todo ano lá”. 

Elane Figueiredo

Ai que lindoooooo!!! Amei ler seu texto, Elane... Eu participei duas vezes da Meia Maratona do Rio e é uma prova muito querida. Fico feliz por você ter escolhido justamente essa prova para estrear na distância.

Muito obrigada, Elane, por ter compartilhado com a gente a sua experiência na Meia Maratona do Rio.
Meia Maratona do Rio de Janeiro
Nos encontramos na chegada!
Parabéns ao cubo pela conquista!!!!! Não sei se você irá voltar ano que vem para fazê-la ou se já vai para a Maratona, masssss, se optar por 21 km, estaremos juntas!

E, para terminar, adorei o “oláááá”!!! Ha ha ha ha ha...

Espero que você também tenha gostado do relato da Elane Figueiredo...

Até amanhã!

Um super beijo

Carolina


Para saber como foi a prova de 42 km, confira em  


Receba conteúdo exclusivo

Assine nossa newsletter



Reserve nos parceiros do blog Viajar correndo:

Produtos com desconto


Sobre o Autor:
Carolina Belo Sou Carolina Belo, Bióloga e Turismóloga. Busco sempre ser feliz e ver o lado positivo de tudo o que acontece na vida. Gosto de viajar e participar de corridas pelo mundo.

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Fique à vontade para dizer o que achou do post... Seus comentários são super bem-vindos... Um super beijo...

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search