31 janeiro 2018

São Silvestre 2017 na visão da corredora manauara Elvira Monteiro

Olááá! Tudo bem? A São Silvestre é uma corrida que habita o imaginário dos corredores. Hoje faz um mês que aconteceu a Corrida de São Silvestre. E temos visitas! Sim!!! Eu não fui, mas minha amiga Elvira Monteiro foi... Vamos ver o que ela tem a nos dizer?

Antes de passar a palavra para a Elvira, gostaria de dizer que ela foi a responsável por eu escrever o post “Programando-se para a Corrida de São Silvestre”. Conheci Elvira no Workshop de Corrida de Rua de Manaus. Um dia, ela mandou uma mensagem perguntando se eu tinha alguma coisa da São Silvestre!

Cara, eu não tinha absolutamente nada sobre essa prova! Então, resolvi fazer um post organizando dicas de passeios, hospedagem, transporte e um pouco da história dessa corrida tradicional no calendário de corridas de rua. Não é legal? Então, sem mais delongas... Com você, Elvira...
São Silvestre 2017 por Elvira Monteiro
“Comecei a correr faz aproximadamente um ano e meio. Apesar de ser Profissional de Educação Física, meu maior incentivador foi meu marido que, por ser militar, corria nas horas vagas.  A partir disso, criamos a Equipe Mundurukus Runners, onde convidávamos os amigos para correr conosco assim como participar das provas.

Em seguida, veio a necessidade de buscar os conhecimentos necessários para elaboração de planilhas, treinos e etc. Nesse período, conheci pessoas e lugares, fiz grandes amigos e, com eles, participei e compartilhei momentos inesquecíveis dentro da corrida!

Ao iniciarmos o ano 2017, eu e meu marido resolvemos que participaríamos de alguma corrida fora de Manaus – AM. Com o tempo, definimos que seria a Corrida Internacional de São Silvestre. Começamos convidando os integrantes da Equipe e muitos ficaram na mesma empolgação, mas acabaram tendo outros compromissos. 

Ao longo do ano, tentamos encontrar o maior número de informações a respeito das edições anteriores, assim como, saber com corredores mais próximos que já haviam participado como tinham sido suas experiências. 

Confesso que ouvimos poucas coisas positivas, mas que não nos fizeram desanimar. Depois de efetuadas as inscrições, constatei que essa poderia ser a melhor do ano de 2017. Afinal, correria ao lado dos corredores que mais amo sendo estes: meu marido, minha irmã e minha melhor amiga!

Planejamos e nos programamos para que tudo saísse do jeito que queríamos, desde turistar em São Paulo, que nenhum de nós conhecia, até cumprir com as nossas obrigações de corredores, como treinar, pegar os kits e CORRERRRRR! E aproveitamos heim... 
São Silvestre 2017 por Elvira Monteiro

São Silvestre 2017 por Elvira Monteiro
Chegamos 05 dias antes da corrida e fizemos tudo que tínhamos direito, passeamos, comemos, treinamos, comemos rs, compramos e corremos. 
São Silvestre 2017 por Elvira Monteiro

São Silvestre 2017 por Elvira Monteiro
No dia 30, dia que antecede a corrida, assim como em todas as corridas, a ansiedade começou a bater. Volta e meia pensava:
Será que vou conseguir?? 
Já que após fazer a minha primeira meia maratona em outubro, fiquei com o horário apertado e assim, dificultando e até fazendo com que não conseguisse seguir os treinos... Além disso, aumentei 4 quilinhos de pura massa magra #SQN rsrs.. Enfim, fiquei com medo de não conseguir!

E chegou o grande dia, 31 de dezembro de 2017. Jamais esquecerei!! Acordamos cedo e fomos!!! Chegando lá, me admirei com o tamanho da organização, com a quantidade de corredores assim como a diversidade de suas localidades... A nossa entrada foi feita pelo setor vermelho, mas fomos ao encontro de alguns amigos no setor azul e acabamos ficando por lá devido a chuva que começou antes de largarmos!! 
São Silvestre 2017 por Elvira Monteiro
Nos imprensamos embaixo de uma árvore para nos abrigar da chuva e acabamos conversando com vários outros corredores e um deles afirmou: 
“ESSA É A MELHOR CORRIDA QUE FAÇO TODOS OS ANOS”
No fundo, eu queria saber e sentir se era tudo isso mesmo!!

Foi dada a largada e quando começamos a perceber o deslocamento daquele mundaréu de corredores, uma sensação incrível foi tomando conta de mim. Nunca tinha sentido isso durante a largada e eu simplesmente comecei a chorar e sabe o que passou pela minha cabeça?? 
“Caracaa eu tô numa São Silvestre!”...
Inacreditável!! Ao passarmos pelo primeiro túnel, era uma energia surreal, as pessoas aplaudindo, torcendo... Fizeram com que eu ficasse arrepiada. Continuamos seguindo e meu marido abriu distância ao mesmo tempo que minha amiga foi ficando mais pra trás. Mas eu e a minha irmã continuamos no mesmo ritmo durante todo percurso porque queríamos chegar juntas. 

Durante toda a corrida não me preocupei com ritmo, pace, nada disso. A minha preocupação era me divertir e correr com alegria, mas em determinado momento só uma palavra ecoava durante o percurso: “brigadeiro” e, confesso, que comecei a sentir um medinho de quando chegasse essa famosa parte do trajeto!! 

Ao fazermos a curva até pensei...
“ah, mas achei que era um subidão... agora tô tranquila”... 
O quê??? Gente, o cansaço começou a bater e começamos a andar!! Porém, em nossas blusas havia nossos nomes nas costas e quem começou a nos passar gritava: 
“vamos Elvira”, “vamos Márcia”,“falta pouco.. tá acabando”, “ah, não acredito que vocês vão desistir aqui”...
Foram tantas palavras de incentivo que, sinceramente, tiramos força do fundo do coração e voltamos a correr... Ao entrar na Avenida Paulista para cruzar a chegada, comecei a perder o ar de chorar, de emoção, de superação e saber o quanto o caminho foi árduo para que chegássemos até ali!! Fiquei uns minutos em êxtase e fomos em direção à saída e pegar a medalha... 

E que medalha?? Linda, a medalha mais linda de toda minha coleção! Rapidamente pegamos e saímos. Devo afirmar que achei a organização impecável... Tudo era realizado com muita precisão e agilidade! 
São Silvestre 2017 por Elvira Monteiro
Enfim, terminamos a prova com as expectativas mais que superadas, com a sensação de dever cumprido e com a certeza de ter participado da Melhor Prova da Minha Vida!!! 
São Silvestre 2017 por Elvira Monteiro
E quais os próximos planos?? Participarmos de outras provas e conhecermos novos lugares. Mas, sempre que possível, retornarmos a São Silvestre porque a energia que tem lá é simplesmente indescritível. Inclusive, já estamos pensando nas nossas possíveis fantasias!!”
Elvira Monteiro
São Silvestre 2017 por Elvira Monteiro

Ahhhhh, adorei a ideia de já pensar nas fantasias, Elvira! Parabéns pela prova!!! Muito obrigada pela disponibilidade em escrever o seu relato aqui para o Viajar correndo. Com certeza, outras pessoas serão motivadas a correr essa prova que é um ícone das corridas de rua!

Espero que você tenha gostado do relato da Elvira… E você? Já correu a São Silvestre? Sonha em corrê-la algum dia? Escreve aqui nos comentários. Vou adorar saber e é uma excelente oportunidade de continuarmos nossa conversa!
Até domingo.

Um super beijo,

Carolina
Quer correr a São Silvestre? Então, leia o post


Precisando de hotel em São Paulo? Confira...
Booking.com

Receba conteúdo exclusivo

Assine nossa newsletter



Reserve nos parceiros do blog Viajar correndo:

Produtos com desconto


Sobre o Autor:
Carolina Belo Sou Carolina Belo, Bióloga e Turismóloga. Busco sempre ser feliz e ver o lado positivo de tudo o que acontece na vida. Gosto de viajar e participar de corridas pelo mundo.

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Fique à vontade para dizer o que achou do post... Seus comentários são super bem-vindos... Um super beijo...

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search