20 maio 2018

Refúgio Biológico Bela Vista, natureza em Itaipu Binacional, Foz do Iguaçu

Olááá! Tudo bem? Como esses dias escrevi sobre Itaipu Binacional, o post do dia é sobre o Refúgio Biológico Bela Vista, uma das atrações do local. Vamos lá?

Já disse, diversas vezes, que amo Foz do Iguaçu. Fui quatro vezes, mas voltarei quantas forem necessárias.

Mesmo tendo ido em diversas ocasiões, apenas na quarta vez consegui visitar o Refúgio Biológico.
Refúgio Biológico Bela Vista
Na terceira vez, havia até comprado o ingresso pela internet. No entanto, como choveu no dia escolhido, o passeio foi cancelado.

O tempo também não estava muito bom no dia que tentamos pela segunda vez. No entanto, conseguimos conhecer tudo o que queríamos.

Assim como os outros passeios de Itaipu Binacional, o que vai ao Refúgio Biológico parte do Centro de Recepção de Visitantes.

O ônibus leva direto ao Refúgio Biológico, sem nenhuma parada oficial no caminho. Disse oficial porque no dia em que fomos estava acontecendo um passeio ciclístico em Itaipu Binacional. Ou seja, paramos várias vezes para a passagem das bicicletas.

Um pouco de História do Refúgio Biológico Bela Vista

O Refúgio Biológico foi criado para receber os animais que ficaram desabrigados por conta da construção da Usina Hidrelétrica de Itaipu.
Refúgio Biológico Bela Vista
Possui espécies animais e vegetais típicos da região.

O passeio pelo Refúgio Biológico Bela Vista

Descemos no Refúgio Biológico e fomos recepcionados por um guia.
Refúgio Biológico Bela Vista
Antes de começar, o guia reuniu o grupo e passou as instruções.  Pode me julgar, mas a mais pertinente foi: 
“os filhos são responsabilidade dos pais. Os guias não são babás das crianças.”
Nem preciso dizer que amei isso (me julgue 2) e que não adiantou nada.

Seguimos pela trilha e íamos recebendo orientações sobre a mata, sobre o local e alguns hábitos da fauna.
Refúgio Biológico Bela Vista
Grupo reunido novamente, o guia explicou sobre o Refúgio Biológico Bela vista, sua composição e o trabalho que lá é realizado.

Seguimos a caminhada. Passamos pela Casa de Vegetação e chegamos ao Portinho.
Refúgio Biológico Bela Vista

Refúgio Biológico Bela Vista
Vimos a parte de agricultura e os tanques de piscicultura. 
Refúgio Biológico Bela Vista

Refúgio Biológico Bela Vista
Seguimos por mais uma trilha até o local onde ficam os animais. Vimos corujas, harpias, jacarés, cobras, papagaios, araras, tamanduás, veados e onças. Ah... As onças...
Refúgio Biológico Bela Vista
Harpia em seu viveiro
Todos estavam encantados olhando as onças quando o guia percebeu que as crianças tinham sumido.

O segurança que nos acompanhava de bicicleta foi acionado.  As crianças estavam próximas a uma abertura que dava para o local onde as onças ficavam. 

Como havia dito de nada adiantou a recomendação do guia.  Os pais não estavam nem aí. No entanto, se alguma delas caísse e fosse atacada pelo bicho... Ohh, viraria comoção nacional e os culpados seriam os animais ditos irracionais.

Voltamos à trilha por outro caminho. Pegamos o ônibus e fomos conduzidos de volta ao Centro de Recepção de Visitantes. 

Uma coisa interessante do caminho é que próximo ao Refúgio Biológico de Itaipu está a parte final do canal de Piracema.

O Canal da Piracema

O Canal da Piracema em Itaipu Binacional possui 10 km de extensão. A intenção desse canal é permitir a chegada dos peixes migradores às áreas de reprodução e berçários acima da usina no período da piracema.

A ligação é fundamental para a conservação da biodiversidade, uma vez que a piracema é a migração reprodutiva desses animais.

Para que isso aconteça, é utilizado um trecho do leito do Rio Bela Vista. As corredeiras são intercaladas com lagoas para que os animais possam descansar e se alimentar.
Refúgio Biológico Bela Vista
Afinal, eles precisam ultrapassar o desnível médio de 120 metros entre o Rio Paraná e a superfície do reservatório. 

Para ver um pouco sobre o Refúgio Biológico, confira o vídeo abaixo...
Vídeo
Inscreva-se no Canal Viajar correndo para não perder as novidades...

Informações importantes sobre o Refúgio Biológico.
Horário de funcionamento: de terça-feira a domingo: 8h30, 9h30, 10h30, 13h30, 14h30, 15h30.
Valor: R$ 26,00 para adultos (em maio de 2018).
Duração: 2h30m.

E ai? Gostou do Refúgio Biológico? Já conhece? Conta aqui nos comentários!!! 

Para conhecer mais sobre Foz do Iguaçu, baixe o nosso e-book...

Para baixar gratuitamente um e-book com as atrações de Foz do Iguaçu, confira 

Até quarta-feira!

Um super beijo,

Carolina


Compre aqui o seu passeio no

Para mais posts sobre Foz do Iguaçu, confira:

Para ler sobre Itaipu Bincaional, confira o post:
Receba conteúdo exclusivo

Assine nossa newsletter



Reserve nos parceiros do blog Viajar correndo:

Produtos com desconto


Sobre o Autor:
Carolina Belo Sou Carolina Belo, Bióloga e Turismóloga. Busco sempre ser feliz e ver o lado positivo de tudo o que acontece na vida. Gosto de viajar e participar de corridas pelo mundo.

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Fique à vontade para dizer o que achou do post... Seus comentários são super bem-vindos... Um super beijo...

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search