20 julho 2018

Meia Maratona de Blumenau, como foi correr pela cidade (com um drama do km 14 até o final)

Olááá!! Tudo bem? No domingo passado, participamos da Meia Maratona de Blumenau. Tudo muito lindo, tudo muito perfeito, até que...  Tinha que ter um drama... Vamos ver o que foi desta vez...


Meia Maratona de Blumenau

Meia Maratona de Blumenau 


A Meia Maratona de Blumenau é uma das muitas provas organizadas pela Corre Brasil. Essa foi a nossa terceira experiência com essa organizadora e não temos nada a reclamar. As outras foram Meia Maratona de Chapecó e Meia Maratona de Pomerode. Aliás, temos apenas uma sugestão mesmo e é sobre a entrega de kits...



Entrega de kits da Meia Maratona de Blumenau


Ela aconteceu somente no sábado, véspera da corrida na loja Korrer. 



Como tivemos um evento no sábado, quase perdemos, pois chegamos faltando 10 minutos para acabar. A sugestão é entregar o kit na sexta-feira também. 


Tudo bem que no dia do evento ocorre a entrega de número de peito e do chip. No entanto, o kit completo não.

Falando em kit, vamos a ele:
  • uma camiseta;
  • sachê de capuccino;
  • barra de chocolate; 
  • um Pic Me; 
  • uma sacolinha.

O dia da Meia Maratona de Blumenau 

Ficamos no Ibis Blumenau a 2,5 km da largada. Por isso, pedimos um Uber. Só que ele iria demorar 15 minutos para chegar, o que nem sempre é verdade. Não podíamos perder esse tempo. Logo, fomos andando até a largada.

Chegamos tranquilos, com tempo para fotos e para guardar nossas coisas. 
Meia Maratona de Blumenau
Inclusive, no guarda-volumes, encontramos a Sabine, jornalista de Blumenau. Ela é minha "amiga de insta".
Meia Maratona de Blumenau
Fomos para a largada. 
Meia Maratona de Blumenau
Eu esperava muito frio, mas nem estava tanto assim. Largada pontual, lá fomos nós para a Meia Maratona de Blumenau.
Meia Maratona de Blumenau
Todo mundo se apressou e quando me dei conta estava sendo escoltada por um carro de polícia.

Como assim? Eu era a última? 

Olhei para trás e havia mais uns gatos pingados.



Vamos apressar o passo. A prova seguiu pela Avenida Sete de Setembro, um trecho em descida. 
Meia Maratona de Blumenau
Somente um mini trecho de subida...


Meia Maratona de Blumenau
Seguimos e vimos a Igreja Luterana de Blumenau. 
Meia Maratona de Blumenau
Logo estávamos na Rua das Palmeiras e no Museu da Família Colonial.
Meia Maratona de Blumenau

Meia Maratona de Blumenau
Quem acompanha o blog, sabe que já falei sobre esses locais aqui. Vou colocar o link no final do post...

Museu da Cerveja, Memorial Doutor Blumenau...
Meia Maratona de Blumenau
Museu da Cerveja ao fundo...

Meia Maratona de Blumenau
Memorial Dr. Blumenau
E logo estávamos passando pelo Castelinho, margeando o rio Itajaí-Açu. 
Meia Maratona de Blumenau
Passamos pela prefeitura e o tchan da prova para mim: a Ponte de Ferro. 
Meia Maratona de Blumenau

Meia Maratona de Blumenau
Muito lindo passar por ali. Ainda encontrei um fotógrafo da Foco Radical. Sempre compro as fotos dele porque ele tira em ângulos diferentes. Falei:
Cara, arrasa nessas fotos porque sempre compro as que você tira. 
E ele arrasou mesmo! Amei! 
Meia Maratona de Blumenau

Meia Maratona de Blumenau
Aí fomos durante seis quilômetros por um caminho comum... 
Meia Maratona de Blumenau
Estrada normal, com muito pouco atrativo. Apenas vi o Museu da Água lá longe...

Retorno nos 10 km. Passamos pela transição da prova de revezamento e seguimos o mesmo caminho. E mesmo nos trechos de subida, fui correndo.
Meia Maratona de Blumenau
Passamos novamente pela Ponte de Ferro. Quando voltei para a pista, o drama começou...
Meia Maratona de Blumenau
Como estava frio, eu praticamente não suei. Masssss...  Bebi água como beberia aqui no Rio, ou seja, como se não houvesse amanhã.

O que aconteceu? Um desespero para fazer xixi... Ai Senhor! Não tinha banheiro, não tinha matinho, não tinha um tostão para pagar um banheiro no posto de gasolina. Eu ainda vi um viaduto com uma área verde atrás e uma pilastra. Até cogitei ir ali, mas quem eu vejo? Um fotógrafo... Putz, essa pessoa acabou com a minha estratégia. 

O que fazer então? Sentar o pé e correr o máximo que pudesse. Afinal, seriam 7 km "só". 

O negócio foi tão frenético que não tenho mais nenhuma foto a partir do quilômetro 14. E ainda fiz um sprint negativo, o que nunca aconteceu na vida, ha ha ha... Eu ia ultraassando todo mundo pela frente. Acho que quem viu isso deve ter pensado que eu queria ganhar alguma coisa. Até queria... A liberdade.

Fui super concentrada em segurar a uretra, mas quando via um fotógrafo, tinha que sorrir hahaha.
Meia Maratona de Blumenau
Finalmente, a rua que me levaria à liberdade. 
Meia Maratona de Blumenau

Meia Maratona de Blumenau
Foto totalmente forçada em um editor, mas gostei e comprei ha ha ha...
Corri e, enfim, chegada!!!
Meia Maratona de Blumenau
Estava tão alucinada que nem vi Otavio e quase passei direto da medalha. Eu queria um banheiro. Esse era o meu melhor prêmio na Meia Maratona de Blumenau e consegui! 

Ufa! Alívio da vida! Aí sim podia tirar quantas fotos quisesse. 
Meia Maratona de Blumenau
No entanto, não era bem assim... Tínhamos que fazer o check-out no hotel e encontrar a Márcia do Casa de Doda para um passeio. Aliás, que passeio bacana! Mas isso fica para um próximo post!


Espero que tenha gostado da Meia Maratona de Blumenau. Eu gostei, apesar desse meu drama pessoal. Não faltou água, as paisagens foram legais, o clima estava ótimo, ou seja, tudo contribuiu para que a prova fosse perfeita.

E você? Já passou algum perrengue assim? Conte aqui nos comentários como conseguiu resolver... Assim, se eu tiver isso de novo, posso ter novas opções...

Meia Maratona de Blumenau

Até domingo.



Um super beijo



Carolina

Quer saber mais sobre alguns pontos turísticos de Blumenau? Leia o post:
Quer conhecer o Museu da Água em Blumenau? Leia o post:

Receba conteúdo exclusivo

Assine nossa newsletter



Reserve nos parceiros do blog Viajar correndo:

Produtos com desconto


Sobre o Autor:
Carolina Belo Sou Carolina Belo, Bióloga e Turismóloga. Busco sempre ser feliz e ver o lado positivo de tudo o que acontece na vida. Gosto de viajar e participar de corridas pelo mundo.

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Fique à vontade para dizer o que achou do post... Seus comentários são super bem-vindos... Um super beijo...

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search