17 novembro 2019

II Desafio Escadaria Igreja da Penha: como foi essa corrida

Olááá! Tudo bem? Há uma semana aconteceu o II Desafio Escadaria Igreja da Penha, uma corrida bem interessante que passou pelos 382 degraus que leva à Basílica da Penha. E como amei essa prova, achei que ela seria ideal para a volta dos trabalhos no Viajar correndo... Vamos lá?

Quem me apresentou a essa corrida foi a Roberta do Todo Mundo Corre. Achei que seria uma proposta bem interessante e fiz a minha inscrição. Só não contava que estaria lesionada no dia da corrida, mas isso é uma outra história...
Escadaria da Igreja da Penha

O II Desafio Escadaria Igreja da Penha


Havia três possibilidades de inscrição:
  • Caminhada 2.400 m, o que equivalia a uma volta no percurso;
  • Adventure Sports 4.800 m, o que equivalia a duas voltas no percurso;
  • Desafio 9.600 m, o que equivalia a quatro voltas no percurso.
Na hora de me inscrever, fiquei em dúvida se faria o Adventure ou o Desafio... Bom, marquei Adventure... (graças a Deus e você entenderá o porquê em breve).

A retirada do kit aconteceu na véspera da prova lá mesmo no pátio interno da igreja. Quem me salvou buscando meu kit foi novamente a Roberta... Eu tive um guiamento pela manhã e uma aula particular à tarde, ou seja, não teria tempo de buscar. Muito obrigada Roberta por ter ido!
Desafio Escadaria Igreja da Penha
Eu e Roberta, no dia da corrida

O dia do II Desafio Escadaria Igreja da Penha

Achei que seria uma excelente oportunidade para levar minha mãe à corrida. Há tempos ela não ia e seria muito bom que ela vivenciasse novamente essa vibe e fosse à igreja também (ela gosta). 

Chegamos bem cedo (o BRT funcionou muito bem, um verdadeiro milagre!) e subimos de funicular.

Visitamos a Basílica que ainda estava tendo missa.
Desafio Escadaria Igreja da Penha
Depois descemos para aguardar pela largada, que aconteceu com um atraso de 3 minutos porque estavam aguardando a chegada do padre (que também iria participar).
Desafio Escadaria Igreja da Penha
Todo percurso foi feito dentro da área particular da Igreja. A saída foi em uma descida bem apertada e tive que dar um micro caminhada logo porque não tinha como ultrapassar as pessoas.

Entramos em uma área um pouco mais larga, com uma leve subida. Ao olhar para cima, lá estava ela, a Basílica da Penha, linda... 
Desafio Escadaria Igreja da Penha
Eu não estava olhando para cima, mas sabia que ela estava lá ha ha ha...
Ali, naquele ponto, já havia um posto de hidratação.

Uma mega descida e resolvi olhar para trás, porque imaginei que a visão da igreja estaria perfeita. 
Desafio Escadaria Igreja da Penha
Eu já tinha olhado para trás, ha ha ha...
Excelente... 
Corrida na Escadaria da Igreja da Penha
O fotógrafo achou um bom local para se fixar!
Corrida na Escadaria da Igreja da Penha
Terminada a descida, o piso mudou e entramos por uma “trilha”. Corremos ali por um tempo (que não consigo precisar). O legal é que havia outro ponto de hidratação nessa parte, bem perto de começarmos a subida. Foi providencial!
Corrida na Escadaria da Igreja da Penha
Ao final da “trilha”, era hora de virar à esquerda e começar a subir os 382 degraus da escadaria da Igreja da Penha.
Corrida na Escadaria da Igreja da Penha
Muitas pessoas estavam na parte intermediária da escada. Minha mãe estava lá também, torcendo...
Corrida na Escadaria da Igreja da Penha
Dei um abraço nela (coitada, toda melada) e continuei subindo... 
Corrida na Igreja da Penha
Correndo? Claro que não, andando mesmo... E pensando na vida...
Escadaria da Igreja da Penha
Não pode olhar muito para a foto  porque tem que olhar para o chão para não tropeçar.
Foto: Cristiano Carneiro @crisfotocorredor
Vencida a primeira parte, demos a volta na Basílica e era hora de descer. 
Corrida na Igreja da Penha
Não sem antes pegar mais uma água no posto de hidratação que havia em frente à igreja.
Corrida na Igreja da Penha
A descida, para mim, é sempre pior que a subida. E fui, com todo o cuidado do mundo, para descer em segurança... 
Escadaria da Igreja da Penha
E começar a minha segunda volta no trajeto...
Corrida na Igreja da Penha
Aqui foi o trecho que não consegui correr na primeira volta.
Mais uma subida, mais uma descida, mais uma trilha e mais uma escadaria da Igreja da Penha... 
Corrida na Igreja da Penha

Corrida na Igreja da Penha
Olha ela lá, por um outro ângulo...

Corrida na Igreja da Penha
O funicular passou na hora!
Escadaria da Igreja da Penha
Um pouco mais baqueada, ha ha ha...
Foto: Cristiano Carneiro @crisfotocorredor
Escadaria da Igreja da Penha
Falta pouco!!! 

Corrida na Igreja da Penha
Olha minha mãe aí...
Aliás, a todo o momento na corrida eu agradecia por ter feito o percurso de 4,8 km. Eu estava com uma dor no joelho me incomodando há duas semanas e estava com medo de nem conseguir fazer a prova! Imagina se eu tivesse inscrita para os 9,6 km?
Corrida na Igreja da Penha
Cheguei! Muito feliz!
Pronto, cheguei com um sorriso no rosto e uma mega alegria. Um homem da organização ainda falou:
“nossa, nem foi difícil... Você está sorrindo”
Mal sabia ele o porquê de eu estar sorrindo... Eu consegui, apesar de tudo!

Recebi minha medalha (amei tanto essa prova que a medalha não será doada) e meu kit pós prova com banana, maçã, torrone e doce de leite. 
Corrida na Igreja da Penha
E lá fui eu encontrar minha mãe e esperar por Roberta.

Enquanto ela não chegava, pedi para o Cristiano, da Fotop, tirar uma foto nossa. Era muito importante eternizar aquele momento, a presença de minha mãe ali comigo. Afinal, ela e meu pai costumavam ir a todas as corridas que eu participava no início (e olha que eram muitas!).
Escadaria da Igreja da Penha
Minha mãe é fogo, cara. Por que a pessoa não sorri???? Obrigada pela foto Cristiano Carneiro @crisfotocorredor 
Logo Roberta chegou.
Escadaria da Igreja da Penha
E nós nos despedimos do II Desafio Escadaria Igreja da Penha, uma prova muito bem organizada, com hidratação perfeita e percurso excelente. Simplesmente, adorei...  Ficarei ligada para o III Desafio Escadaria Igreja da Penha, he he he...

Um pouco de história da Igreja da Penha (Basílica da Penha)

O que a gente chama normalmente de Igreja da Penha, é, na verdade, a Basílica Santuário de Nossa Senhora da Penha de França. Para facilitar, vou chamar apenas de Igreja da Penha, ok?

A história começou com uma capela construída pelo dono da Sesmaria, o capitão Baltazar, em agradecimento a Nossa Senhora pelo salvamento de um acidente. Isso aconteceu em 1635, após o ataque de uma serpente. Ao pedir a proteção da Santa no momento do ataque, esta mandou um lagarto, inimigo das serpentes, livrando-o do acidente.

Além de ser vista de diversos pontos da cidade, já que foi erguida em uma pedra, a fama vem também pelos 382 degraus da escadaria da Igreja da Penha.

A escadaria foi inaugurada em 1819, como um pagamento de promessa. Em 1817, um casal que já estava casado há tempos, mas não tinha filhos, pediu à Nossa Senhora da Penha que desse a eles uma criança. Como forma de agradecimento, iriam construir uma escada para facilitar o acesso à igreja. O filho nasceu em 1818 e a escada foi construída. Como já disse, são 382 degraus talhados na própria pedra.

Caso a pessoa não queira subir essa escadaria toda, basta pegar um funicular gratuito (o local conta com mais dois, na verdade, que já trazem o visitante desde a avenida principal).

A arquitetura da Igreja da Penha é de estilo eclético, pois mistura vários estilos. Ali a gente encontra neoclássico (base, corpo e coroamento) e neogótico (torres elevadas e pontiagudas).
Escadaria da Igreja da Penha
Detalhes da frente da igreja
E aí? Gostou do relato sobre o II Desafio Escadaria da Igreja da Penha e de sua história? Espero que tenha gostado! Você participou dessa corrida? O que achou? Conte aqui nos comentários! Vou adorar continuar essa conversa!
Até quarta-feira!

Um super beijo,

Carolina

Veio para o Rio correr e quer fazer passeios para conhecer a cidade? Então, confira:

Precisa de hotel no Rio de Janeiro ou em qualquer lugar? Pesquise e reserve usando o nosso parceiro 

Receba conteúdo exclusivo

Assine nossa newsletter



Reserve nos parceiros do blog Viajar correndo:

Produtos com desconto


Sobre o Autor:
Carolina Belo Sou Carolina Belo, Bióloga e Turismóloga. Busco sempre ser feliz e ver o lado positivo de tudo o que acontece na vida. Gosto de viajar e participar de corridas pelo mundo.

6 comentários:

  1. Muito bom o post.
    Instrutivo.
    Preciso programar uma ida à igreja da Penha.
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tati! Vale a visita, mesmo que a pessoa não seja religiosa. A igreja é bela, rica em detalhes e ainda por cima, a vista da cidade é super compensadora!
      Obrigada pela visita!
      Um super beijo,
      Carolina

      Excluir
  2. A melhor matéria que li sobre o II Desafio Escadaria Igreja da Penha, parabéns. A corrida e diferente e muito legal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou! Uma pena que não deixou seu nome, né? Mas está valendo!!
      Obrigada pela visita e pelo comentário!!!
      Abraços,
      Carolina

      Excluir
  3. Parabéns pela corrida e descrição do evento, rico em detalhes que nos faz viajar para dentro competição.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!! A ideia de escrever é justamente esta: permitir que que não conseguiu estar lá presente desta vez tenha uma noção de como a prova foi! Que bom que o objetivo foi atingido!
      Obrigada pela visita e pelo comentário! Só achei triste você não ter deixado seu nome, mas até a próxima!
      Abraços,
      Carolina

      Excluir

Obrigada pela visita. Fique à vontade para dizer o que achou do post... Seus comentários são super bem-vindos...
Responderei o mais breve possível! Então, volte para ver sua resposta. Ou então, bem mais fácil: marque o "notifique-me" para ser avisado por e-mail quando o seu comentário for respondido.
Um super beijo...

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search