15 novembro 2020

CamelBak Mountain Race Praias Selvagens

Olááá! Tudo bem? Hoje voltamos a falar de corridas reais, graças a Deus. A prova? CamelBak Mountain Race Praias Selvagens. Então, o jejum sobre o assunto é tão grande que nem vamos perder tempo... Partiu CamelBak Mountain Race Praias Selvagens.


A CamelBak Mountain Race Praias Selvagens aconteceu no dia 7 de novembro de 2020, em Grumari no Rio de Janeiro.
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Foram três opções de distâncias com diferentes tipos de terreno:
  • 7,5km (recomendado para iniciantes no trail run. Mais curto, ele teve trilhas com desnível positivo de 241m. O trajeto tem dificuldade moderada);
  • 12km (indicada para atletas com alguma experiência no trail. O percurso teve desnível positivo de 542m);
  • 18km (recomendada para corredores com experiência em trail running. A prova teve desnível positivo de 912m, passando por praias e trilhas).

Para evitar aglomerações na arena, o horário de largada dos atletas para a Camelbak Mountain Race Praias Selvagens foi feito por blocos de 5 em 5 minutos com grupos de 30 atletas.
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Corredores posicionados para largar na CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
O primeiro bloco largou às 7h e assim foi seguindo até 8h40. Isso foi diferenciado através de pulseiras coloridas.

Havia marcação com cones no local da largada e isso garantia a distância entre os corredores.
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Cones demarcando a largada da CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Em relação ao kit, havia a opção de 3 kits diferentes:
  • Kit Básico (camisa da prova, uma garrafa CamelBak®, chip e número de peito);
  • Kit Intermediário (camisa da prova, uma garrafa CamelBak®, um cinto de hidratação CamelBak®, chip e número de peito);
  • Kit Top (camisa da prova, uma garrafa CamelBak®, um cinto de hidratação CamelBak®, uma mochila de hidratação CamelBak® chip e número de peito).
Os kits foram retirados nas Drogarias Pacheco da Barra da Tijuca durante os três dias que antecederam a prova. Foi tudo muitooooo tranquilo. E lá também havia toda a preocupação com segurança.

Falando em segurança, a CamelBak Mountain Race foi o primeiro evento esportivo de corrida no Rio de Janeiro após o pico do Coronavírus no Estado.

Foi literalmente a volta das corridas no Rio de Janeiro. Por isso, contou com uma série de protocolos de segurança para evitar a disseminação do Covid-19. 

A organização da prova desenvolveu uma série de protocolos de segurança, em conjunto com a Vigilância Sanitária do Rio de Janeiro. 
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Havia totens em diversos locais da arena da CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Alguns exemplos foram as largadas com grupos reduzidos de até 30 pessoas (o que evitou a aglomeração), a utilização de máscara obrigatória por atletas e equipe de produção na arena do evento e a obrigatoriedade de uso de equipamento de hidratação individual. 

O bom é que esses protocolos podem servir como base para outros eventos esportivos na cidade. 


Como foi a Camelbak Moutain Race Praias Selvagens na visão do Viajar correndo

Estávamos inscritos na prova para correr no dia 21 de março. Como ela seria uma semana antes da Maratona de Roma, decidimos fazer apenas 7,5 km.

Claro que por conta da pandemia, a data teve que ser alterada. Mesmo não tendo Maratona de Roma na semana seguinte, foi ótimo fazer 7,5 km como um recomeço nas provas, he he he he...

Largamos no grupo das 7h30. Percorremos um trecho de paralelepípedos e logo estávamos na areia.

Putz, que areia... Uma fofura sem igual, ha ha ha ha ha... Tentei ir beirando o mar, mas lá ela também era fofa. 
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Trecho de areia na CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
E o pior: veio a onda e molhei os pés (o que me gerou bolhas, mas isso é assunto para o post Bolhas nos pés na corrida: por que ocorrem? Como evitar? O que fazer para aliviar a dor?)

Os postos de hidratação estavam bem distribuídos. Como eu fiz 7,5 só posso falar do posto do km 3,2. Ele estava super abastecido com água, isotônico e... Coca-Cola! Fora paçoca, BIS e bananada.
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Para ver o quanto eu amo Coca-Cola e o quanto ela me dá força nas provas, confira o vídeo A força da Coca-Cola durante a corrida.

Só bebi Coca-Cola e segui. Tinha visto uma pedra com uma corda e era ali que começaria o meu drama.
Guardei a câmera para focar em passar aquele desafio. 
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Aqui começa o meu drama na CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Mesmo assim, fiquei paralisada no meio da pedra. O bombeiro veio me dar a mão para eu conseguir sair daquela situação.



Deixei a galera (que eu tinha prendido por causa da pedra) passar e lá fui eu, em paz, subir mais um pouco. Outra pedra no caminho e aí engatinhei.
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens

CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
O que o medo não faz?
Então, foi só subida, subida, subida...
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Mas subir sem precipício é tranquilo... Vou no meu tempo e em paz...
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Foto de Marcos Miyata 
E assim fui, apreciando a paisagem e fazendo book...
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Paisagem da CamelBak Mountain Race Praias Selvagens

CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Momento book...

CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Uma bromélia florescendo
Encontrei Otávio no alto do morro. Ele disse que estava me esperando... Na verdade, eu acho que quando ele viu a pedra, já sabia que eu o faria passar vergonha. 

Então, ele subiu o que podia para não ver o drama e resolveu me esperar depois que tudo já tinha passado, ha ha ha ha...
camelbak mountain race praias selvagens
Entramos em um trecho de single track e foi ótimo... Tudo bem tranquilo...  O caminho todo estava bem sinalizado...
camelbak praias selvagens
Ficamos próximos ao Luiz, do Canal Correr é Bom Demais.
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Nos separamos na bifurcação dos 7,5 km e dos 12/18 km. Aí foi só descida...

Aproveitei para dar uma compensada na descida. Mas, claro, sempre com cuidado para não cair ou machucar. Segurança acima de tudo...
camelbak praias selvagens



Depois de algumas pirambeiras na descida da Garganta, eis que cheguei ao asfalto.
camelbak mountain race praias selvagens
Aí foram mais ou menos 1,5 km para chegar de volta à arena!
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Terminei a CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
A chegada foi de muito agradecimento. Por estar ali, tendo a oportunidade de fazer o que eu gosto... 
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
De ter feito tudo sem me machucar (exceto pelas bolhas, he he he)... 



De ter encontrado pessoas queridas que o mundo da corrida me deu...
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Algumas pessoas queridas. Ainda faltam pessoas na foto!

CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Mesma legenda da foto anterior...
camelbak praias selvagens
Por que só eu quis olhar para o "drone"???

camelbak praias selvagens
E ainda faltam pessoas...

camelbak praias selvagens
Ainda está faltando...


camelbak praias selvagens
E ainda falta...
Aí foi pegar o meu kit pós prova. 

A medalha foi entregue à distância, as frutas vieram embaladas individualmente (a natureza não agradece com o excesso de plástico, mas mesmo assim adorei isso porque passou uma segurança a mais).
CamelBak Mountain Race Praias Selvagens
Cumprindo os protocolos sanitários
E tanto o Gatorade, quanto a água eram servidas pelo staff. Isso garantiu que ninguém além deles tocassem nos equipamentos, o que foi mais uma prática segura. 

Parabéns à organização da prova por ter implantado e cumprido os protocolos.

Para ver como foi a CamelBak Mountain Race Praias Selvagens na visão do Viajar correndo, confira o vídeo CamelBak Mountain Race Praias Selvagens:
Você participou da CamelBak Mountain Race Praias Selvagens? O que achou? Conte aqui nos comentários e vamos continuar essa conversa!
Até a próxima!

Um super beijo,

Carolina

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Fique à vontade para dizer o que achou do post... Seus comentários são super bem-vindos...
Responderei o mais breve possível! Então, volte para ver sua resposta. Ou então, bem mais fácil: marque o "notifique-me" para ser avisado por e-mail quando o seu comentário for respondido.
Um super beijo...

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search