23 abril 2018

Meia Maratona de Montevideo, por Camilla Pinto, no Eu não fui, mas meu amigo foi

Olááá! Tudo bem? Em mais um Eu não fui, mas meu amigo foi temos a participação da Camilla Pinto, corredora de Curitiba. Ela vai contar como foi a experiência na Meia Maratona de Montevideo. Vamos lá?


Essa prova aconteceu dia 15 de abril, ou seja, bem recente, né? Então, com você, Camilla Pinto e a Meia Maratona de Montevideo...
Meia Maratona de Montevideo
Que lindo!!! Viajar correndo em Montevideo!
"De férias marcadas para Montevideo resolvi dar uma olhadinha no calendário de corridas. Afinal, quem nunca procurou uma prova nas férias? Hehehe. 

Minha ideia era correr uma provinha de 5 km só para fechar a viagem, mas... A única prova que eu encontrei foi a Maratona de Montevideo, com o detalhe de que só haveria duas distancias: 42 km e 21km. 

Eu nunca havia feito nenhuma corrida nessa quilometragem... Foi o empurrãozinho que faltava para eu fazer minha primeira Meia Maratona :)

E não poderia ter escolhido prova melhor, pois a organização já se mostrou perfeita no dia da retirada do kit.
Meia Maratona de Montevideo

A entrega de kits da Meia Maratona de Montevideo

Toda a estrutura para a retirada dos kits foi montada na Intendencia de Montevideo, que é a Prefeitura da Cidade e local onde foi a largada. Lá já me dei conta de que estava participando de uma prova diferenciada.

Chegamos cedo na sexta-feira. Os estrangeiros contavam com um balcão exclusivo para a retirada. O que eu achei mais interessante é que era possível experimentar a camiseta antes de escolher o tamanho. 
Meia Maratona de Montevideo
O kit era simples: 
  • uma sacochila;
  • uma garrafa de agua saborizada;
  • o chip;
  • o número de peito;
  • uma camiseta da Adidas (que já valia a inscrição).
Meia Maratona de Montevideo
O legal também era que você podia tirar uma foto na hora e fixar em um painel no saguão. Claro, coloquei a minha lá! 
Meia Maratona de Montevideo
Eles davam 3 cópias...uma para recordação, outra para o painel e ainda mandavam uma para o seu e-mail.
Meia Maratona de Montevideo
A estrutura estava toda montada para receber a galera e também haveria palestras ao longo da sexta e do sábado. Como eu queria conhecer a cidade não pude ficar, mas aproveitei para ir a um dos pontos turísticos de Montevideo, que é o Mirante que fica na Intendencia mesmo. De lá é possível ter uma visão geral da cidade.
Meia Maratona de Montevideo

Dia da Meia Maratona de Montevideo 

A largada estava marcada para as 07:00 e cheguei lá por volta das 06:00. Estava friozinho, em torno de 10° C, mas a previsão seria de sol para as próximas horas. 
Meia Maratona de Montevideo
O pré prova era muito organizado, com um guarda volumes eficiente, os banheiros contavam com uma equipe de limpeza que os deixavam até cheirosos (nunca pensei que diria isso de um banheiro químico rsrs).
Meia Maratona de Montevideo
A largada foi pontualmente às 07:00 e o dia começava a clarear...

A Prova

Os primeiros quilômetros foram pela Cidade Velha, passando pela Plaza Independencia, Teatro Solís em uma pequena descida em direção à Rambla. A maior parte do percurso foi na beira do Mar del Plata. 
Meia Maratona de Montevideo
A paisagem é linda e era incrível a vibe da galera tanto nos calçadões torcendo quanto nas sacadas dos prédios. No km 10 tinha uma banda de rock bem animada.

A hidratação da prova era a cada 5 km e estranhei o fato de a água vir em garrafas e não copinhos. Também havia frutas, isotônicos, esponjas... O sol já estava forte e a temperatura chegou na casa dos 18° C, mas devido ao vento era um percurso agradável.

Para os que correram 21 km, a volta era feita no km 12, no bairro de Pocitos. Os maratonistas seguiam pela Rambla por mais uns 10 km. Já na volta era possível ver, apesar de ainda ter corredores no percurso, a equipe de limpeza trabalhando. E olha que eram muitas garrafas, tanto de água quanto de isotônico.

No km 15 comecei a sentir o cansaço e percebi que correr 21 km não é pouca coisa. Falei para meu marido que estava com dor no joelho e que ele poderia aumentar o ritmo e correr sem mim (havíamos combinado que cruzaríamos o pórtico juntos). No entanto, ele foi parceiro e diminuímos o ritmo para um quase trote. Assim fomos até o final.

Os dois últimos km são uma subidinha leve, mas a arquitetura da Cidade Velha compensa todo o esforço.

Nos metros finais, segurei na mão do meu marido que me deu um apoio gigante e juntos terminamos a nossa primeira meia maratona. 
Meia Maratona de Montevideo
Nem acreditei quando cruzei o pórtico... Era uma mistura de cansaço e emoção.

Pós prova da Meia Maratona de Montevideo 

Ainda sem acreditar que era uma meia maratonista, segui na fila para retirada da medalha. As medalhas dos 21 km eram iguais ao dos 42... A única diferença era a cor da fita. Verde para os 21 e rosa para os 42.
Meia Maratona de Montevideo
Junto com a medalha ganhamos barrinha de cereal, água e isotônico. 
Meia Maratona de Montevideo
O pós prova também contava com massagens e recuperação com gelo... Para os que não queriam ficar na fila era possível pegar só a bolsa de gelo. Foi o que eu fiz. Afinal, meu joelho já estava pedindo socorro, hehehe.
Meia Maratona de Montevideo
Se for para definir essa prova em uma palavra, seria organização. 
Meia Maratona de Montevideo
Horas mais tarde descemos até a Rambla para dar uma volta e não havia qualquer indício que tinha acontecido uma prova por ali. Não tinha lixo, não tinha faixa, cartazes, nada!... Estava tudo completamente limpo!
Meia Maratona de Montevideo


Meia Maratona de Montevideo

Meia Maratona de Montevideo

Se um dia eu resolver virar uma Maratonista certamente escolherei essa prova para a estreia organizada, plana e linda!"
Meia Maratona de Montevideo
Camilla Pinto

Bom, além de dar muitossss parabéns para Camilla e seu esposo, eu também preciso falar outras coisas para ela...

Primeiro, que lindo estar presente no grande mural de fotos. Muito obrigada! Quando vi a foto, quis gritar. Mas estava dentro do ônibus e isso não seria bom, he he he...

É claro que também preciso agradecer por você ter sido uma correspondente excepcional para essa prova. Como você mesma disse, “Camilla Scamparini” arrasou no relato, mais uma vez... Muito obrigada!

E você, querido leitor? Gostou do relato? Já fez essa prova? Teve vontade de fazer? Escreve aqui nos comentários... Nem preciso dizer que fiquei com MUITA vontade de ir, né? He he he he...

Então é isso. Mais uma vez, obrigada Camilla pelo relato da Meia de Montevideo.

Até amanhã!

Um super beijo,

Carolina
Para ver mais um relato da Camilla aqui no blog, confira


Para ler mais sobre provas maneiras que amigos correram confira no

Precisa reservar hotel em Montevideo? Dá uma pesquisada aqui...
Booking.com

Receba conteúdo exclusivo

Assine nossa newsletter



Reserve nos parceiros do blog Viajar correndo:

Produtos com desconto


Sobre o Autor:
Carolina Belo Sou Carolina Belo, Bióloga e Turismóloga. Busco sempre ser feliz e ver o lado positivo de tudo o que acontece na vida. Gosto de viajar e participar de corridas pelo mundo.

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Fique à vontade para dizer o que achou do post... Seus comentários são super bem-vindos... Um super beijo...

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search