27 abril 2016

Capitólio: Trilha do Sol

Oláááá. Tudo bem? Passamos o feriado de Tiradentes em Capitólio, MG. Hoje, vamos visitar um local chamado Trilha do Sol, localizado a 20,3 km do trevo de entrada da cidade. Vamos lá?

Como o tempo era curto, queríamos conhecer dois lugares em um dia. Então, começamos com a Trilha do Sol e depois partimos para o Paraíso Perdido. Todas possuem acesso pela MG-050, sendo que a Trilha do Sol está mais próxima do Centro de Capitólio.
Trilha do Sol em Capitólio
Uma das trilhas na atração Trilha do Sol em Capitólio

Trilha do Sol em Capitólio

Para chegar, basta pegar a MG-050. Há sinalização no caminho e na entrada para a estrada de terra que leva ao local.  Lá há uma pousada e um restaurante. 

Pagamos uma taxa de R$ 35,00 que não dava direito à presença de guia. No entanto, um deles nos levou até a entrada das trilhas e ofereceu uma explicação muito rápida de como acessar as trilhas. Foi mais ou menos assim: 
se você descer aqui, você chega não sei onde. Se você descer lá, você chega não sei onde. Para o Poço Dourado você caminha por dez minutos dentro da água. Bom passeio”. 

Hummmm, já que é bom passeio, então, vamos lá... Quero ressaltar que em nenhum momento foi dito que havia a opção de trilha para o Poço Dourado, masssss isso é um assunto posterior.

Começamos indo pela trilha que levava a um mirante (visto como um desvio na rota abaixo) e a um lugar chamado No Limite. Essa trilha foi de 1,25 km e foi de intensidade leve. 
Trilha do Sol em Capitólio
Mirante está no desvio da rota
Na interseção de trilhas existem placas indicativas do caminho. Um ponto positivo...
Trilha do Sol em Capitólio
Placas indicativas das direções das trilhas

No Limite na Trilha do Sol em Capitólio
Trilha para "No Limite"
Além disso, há várias árvores com placas indicando o nome vulgar e o nome científico, além da utilização de cada uma. 
Trilha do Sol em Capitólio
Placas indicativas das espécies e dos usos de cada planta.

No Limite Trilha do Sol em Capitólio
Vista da entrada de No Limite a partir do Mirante


No Limite, Trilha do Sol

No No limite, a água estava geladaaaaaa e eu resolvi não entrar. O lugar tem uma beleza única, principalmente em relação às formações rochosas que vimos.
No Limite Trilha do Sol em Capitólio
Olha que rocha linda!
No Limite Trilha do Sol em Capitólio
Uma parte destinada ao mergulho

No Limite Trilha do Sol em Capitólio
Book

No Limite Trilha do Sol em Capitólio
Apaixonada por esse lugar...

No Limite Trilha do Sol em Capitólio
Mais área de mergulho...

No Limite Trilha do Sol em Capitólio
E a planta se equilibra na beira do precipício...


Cachoeira do Grito na Trilha do Sol

Depois de um tempo de paz no local, partimos para a Cachoeira do Grito. Mais 1,1 km de trilha e chegamos! 
Cachoeira do Grito, Trilha do Sol em Capitólio
Trilha até a Cachoeira do Grito

Cachoeira do Grito, Trilha do Sol em Capitólio
Finalizando o descanso...


Cachoeira do Grito, Trilha do Sol em Capitólio
Flores do caminho...
Essa atração tem esse nome, pois dizem que aquele que toma um banho nessa cachoeira e dá um grito deixa todos os seus medos para trás. Bom, eu não fiz isso, he he he he. 
Cachoeira do Grito, Trilha do Sol em Capitólio
Parte superior da Cachoeira do Grito.

Cachoeira do Grito, Trilha do Sol em Capitólio
Mais da parte superior
Nós seguimos uma placa que indicava o caminho para descer e fomos por dentro da água em busca do Poço Dourado.
Cachoeira do Grito, Trilha do Sol em Capitólio
Descendo para ver a cachoeira por um outro ângulo...

Cachoeira do Grito, Trilha do Sol em Capitólio
Cachoeira do Grito...

Em busca do Poço Dourado

Após 300 metros de caminhada na água, ficamos em dúvida se era por ali mesmo. Afinal, não havia nenhum tipo de sinalização. 
Trilha para o Poço Dourado em Capitólio
Trilha por dentro da água
Seguimos até um lago que estava com água na altura do pescoço. 

Havia algumas mulheres que também estavam seguindo com a gente, mas elas decidiram voltar. Nós resolvemos nadar por lá por um tempo e depois voltar. No entanto, apareceu um casal que também estava procurando pelo Poço Dourado. Fomos com eles. 
Trilha para o Poço Dourado em Capitólio
Começando a levantar as coisas


Trilha para o Poço Dourado em Capitólio
Só na cabeça mesmo para não molhar... 

Trilha para o Poço Dourado em Capitólio
Trilha por dentro da água. Uma parte até onde paramos e pensamos em voltar.
Depois de mais 250 metros, eis que chegamos ao Poço Dourado e descobrimos que havia uma trilha normal para alcançar o local. Tudo bem, foi uma experiência diferente...
Trilha para o Poço Dourado em Capitólio
O que faltava para chegar.
Aproveitamos a cachoeira do Poço Dourado por algum tempo... 
Poço Dourado em Capitólio
Poço Dourado

Poço Dourado em Capitólio
Mais um pouco de Poço Dourado

Poço Dourado em Capitólio
Quem chega através da trilha tradicional na mata, encontra essa placa. 
Seguimos de volta pela trilha tradicional até o ponto inicial. Isso teve uma distância de 1 km.
Poço Dourado em Capitólio
Visão da saída da trilha tradicional...
 
Poço Dourado em Capitólio
Trilha de volta...


Poço Dourado em Capitólio
Há também um local dedicado ao naturismo.

Trilha do Sol em Capitólio
Voltando pela trilha tradicional.
Durante o trajeto, há um outro mirante que possibilita admirar parte do lago da represa de Furnas.
Trilha do Sol em Capitólio
Vista do lago da represa de Furnas.

Trilha do Sol em Capitólio
Há um banco para contemplação no mirante.
Caso a pessoa queira passar o dia todo no local, há piscinas e espaço para colocar redes. Como não era o nosso caso, partimos assim que todas as trilhas tinham sido exploradas. 

No entanto, penso que pelo preço cobrado, deveria haver algum folder com o mapa das trilhas. Fica a sugestão...

Então, partiu Paraíso Perdido...

Caso tenha perdido algum post sobre Capitólio, confira em  

Até domingo

Um super beijo

Carolina

Receba conteúdo exclusivo

Assine nossa newsletter



Reserve nos parceiros do blog Viajar correndo:

Produtos com desconto


Sobre o Autor:
Carolina Belo Sou Carolina Belo, Bióloga e Turismóloga. Busco sempre ser feliz e ver o lado positivo de tudo o que acontece na vida. Gosto de viajar e participar de corridas pelo mundo.

6 comentários:

  1. Oi Carol,
    você fez belas imagens, fiquei com mais vontade de conhecer, o que me desanima um pouco é água gelada, mas quem tá na chuva é pra se molhar, né, e num lugar desses não dá pra não entrar na água.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Dani! Mesmo não gostando muito de água gelada, eu dou um jeito de enfrentar. Afinal, nunca se sabe se haverá outra oportunidade, né?
      Um super beijo
      Carolina

      Excluir
  2. Se já não bastasse o nome da Trilha ser encantador, suas imagens falam por si. Eu amo trilha e sou suspeita pra falar. Mas, fiquei curiosa para conhecer as Gerais.
    beijos
    Helena

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Helena, se tiver oportunidade de ir, vá sim. Com certeza, vai amar. E como você disse que gosta de trilhas, Capitólio está a 100 Km de São Roque de Minas, uma das entradas para a Serra da Canastra e que tem a nascente do Rio São Francisco (deve ser muito lindo esse lugar!). Eu queria ter ido, mas não deu tempo, uma pena!
      Obrigada pela visita!
      Super beijo
      Carolina

      Excluir
  3. Oie, achou que ficou corrido fazer os dois passeios no mesmo dia? Acha que deu pra aproveitar bem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda, desculpe pela demora na resposta... Achei corrido sim. Gostaria de ter aproveitado mais cada um deles. Mas como era o tempo que a gente tinha, nós fizemos no mesmo dia para conhecer. Mas tanto a Trilha do Sol quanto o Paraíso Perdido merecem um dia inteiro de visita, caso a pessoa tenha disponibilidade...
      Qualquer dúvida pode perguntar. Prometo que responderei mais rápido. E,mais uma vez, desculpe pela demora!!!
      Abraços,
      Carolina

      Excluir

Obrigada pela visita. Fique à vontade para dizer o que achou do post... Seus comentários são super bem-vindos... Um super beijo...

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search